mainieri's

terça-feira, outubro 05, 2010

Líquido poema






Sal dos olhos
s
a
l
t
a
pelas encostas do rosto

resvala
no escuro do sentimento
(some)



Ricardo Mainieri

2 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar um link

<< Página inicial