mainieri's

segunda-feira, março 28, 2005

Panorama visto do ônibus




O veículo
vagarosamente
vasculha a cidade.

Vai a busca de bares extintos
ruas sem praças
sinais e buzinas
na contramão.

Na manhã
que insiste cinzenta
percorro velhos roteiros
labirintos dentro de mim.


Ricardo Mainieri


Este poema esteve circulando nos ônibus de Porto Alegre, no ano de 2004, graças ao Concurso Poemas nos Ônibus, da PMPA.


3 Comentários:

  • Muito bonita sua poesia.
    Um abraço da colega de DMAE
    Flávia

    Por Blogger Falzinha, Às 4:56 PM  

  • Ricardo

    Deve ter sido uma honra ter tido seu poema circulando pelas ruas de POrto alegre.
    Parabéns , esta muito bonito.

    beijo

    Rose

    Por Blogger asas claras, Às 9:28 AM  

  • Oi Ricardo...
    Sabes qdo algo toca fundo e com intensidade..
    Te utilizei em meu profile
    Gostei muito do que encontrei aqui
    Ana
    anaravazzolo@hotmail.com

    Por Anonymous Anônimo, Às 4:39 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar um link

<< Página inicial