mainieri's

segunda-feira, abril 22, 2013

O crítico implacável





Espargir sombras
sobre a aura dos ídolos
é a intenção.

Resgatar imperfeições
vesti-las sob o talhe humano
é a missão.

Pois quando lhes critico
minha força cresce.

Ereção súbita me domina
e posso julgar-me rei.

Minha pena ordena
minhas palavras são lei.

Penso que assim
o mundo se curva
a esta mente sagaz.

Ilusão efêmera
o planeta se move à revelia.

E o veneno quem sabe
retorne duplicado a mim
num outro dia ...


Ricardo Mainieri

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar um link

<< Página inicial