mainieri's

quinta-feira, dezembro 01, 2005

Profund(i)dade















A Lei
mais permanente
é a da Impermanência.

Busquei no Budismo
meu Oriente
e o norte para minhas ações.

De que valem
vaidade & orgulho
consumidos pelo tempo?

Os bens
a plástica do rosto & corpo
o que resta?

Pergunto
ao I Ching
e recebo respostas sábias.

Sereno medito
em meio ao torvelinho
desta vida.

Uma paz imensa me invade.
zen fim.

Ricardo Mainieri

1 Comentários:

  • A Impermanência é um tema que os poetas adoram explorar. E como sofre por ela...
    Adorei tua página.

    Por Blogger solfirmino, Às 7:11 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar um link

<< Página inicial