mainieri's

segunda-feira, setembro 05, 2005

Sem título


















Tarde no Brasil
nenhuma novidade no coração
ou no lugar
estou vivo

na esquina da rua Santana
homens pobres discutem futebol
mulheres passam ao lado
o ruidoso colorido da roupa
cortando o silêncio em fatias

Tarde
nenhuma esperança nos olhos de Esmeralda
a louca cantora sentada no meio-fio

poema de Adelar Finatto
do livro "Viveiro" - p. 11 - Edições Sanguinovo - 1981 - São Paulo

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar um link

<< Página inicial